Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mais sobre mim

foto do autor


calendário

Janeiro 2013

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031


Pesquisar

 


Documentário "Pro Dia Nascer Feliz"

Sexta-feira, 11.01.13

RESENHA

 “PRO DIA NASCER FELIZ”

Mateus Monteiro

“Cada escola um universo, Cada aluno uma constelação, Cada turma um desafio, Cada professor uma doação. Na escola do rico ou do pobre, O aluno tem emoção, Ele pensa no futuro melhor, Sonha com uma profissão. A sociedade se transforma, A escola não acompanha a ascensão, Pais, filhos, alunos e educadores, Só querem o sucesso da educação”. (Nadiane Spencer )

Pro Dia Nascer Feliz é um Documentário de 88min, dirigido e produzido por João Jardim, e foi lançado em 2006. Este trabalho mostra dados alarmantes sobre a realidade sócio-educativa no Brasil, proporcionando a todos uma grande oportunidade para refletirem sobre a educação e as escolas, pois retrata o dia-a-dia das salas de aula em que os principais actores são alunos e professores.

No início, o documentário refere factos como a evasão escolar, a variação da matrícula nas últimas décadas do século XX, condições de infra-estrutura das escolas, etc. Todavia o que chama atenção do espectador é que nestas últimas décadas parece que há uma constante: as escolas perdem quase metade de seus alunos, ora porque deixam de facto de frequentá-las, ora porque, mesmo ficando, aprendem muito menos do que é esperado.

Depara-se com diferentes situações em que adolescentes de 13 - 17 anos, ricos e pobres, enfrentam dentro da escola a precariedade, a violência, o preconceito...

O documentário dá voz a alunos de escolas: de Pernambuco, da periferia de São Paulo, do Rio de Janeiro e também de dois renomados colégios particulares (um de São Paulo e outro do Rio de Janeiro). A realidade do povo do Nordeste é dura, mas mesmo assim há cultura no seio de famílias muito humildes. A menina pobre de Pernambuco, a Valéria, lê Drummond de Andrade, entre outros renomados autores; escreve textos e poesias incríveis que, inclusive, professores da sua escola não acreditam que ela é quem os escreve.

As várias faces do Brasil reveladas neste filme mostram um contraste incrível: a aluna de Pernambuco sonha em estudar e ser alguém, embora talvez não vá conseguir, enquanto que, numa escola para jovens da elite em São Paulo, uma menina está preocupada que não tem sido muito assediada pelos colegas, como no ano anterior. Ela mesma acaba culpando-se por estar “estudando demais”. As amiguinhas confirmam, depois que ela deixa cair algumas lágrimas.

Realidade muito chocante, também, nas escolas das periferias do Rio e de São Paulo. Muita violência (aluna chega a assassinar a própria colega e depois fala do assunto sem manifestar nenhum arrependimento. Pelo contrário, revela o prazer naquilo que ela fez). Professores desinteressados e absentistas que na avaliação acabam por atribuir notas até aos alunos que não aparecem. Alguns destes professores atribuem a culpa do próprio desinteresse aos alunos, que “não colaboram”.

Outra revelação é a de que jovens estudantes que “pancam” a aulas para assaltar, justificam, entre outras coisas, que pessoas famosas roubam milhões e não vão presas.

João Jardim conseguiu magistralmente abordar o problema da educação em todos os seus aspectos e oferecer um filme emocionante, realista e, sobretudo, bem realizado.

“Pro Dia Nascer Feliz”, um documentário maravilhoso, de muita sensibilidade, que precisa ser visto por todos.

Não percam!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Mateus Monteiro às 18:10


Comentários recentes

  • Trêza

    Olá!Este post está em destaque na homepage do SAPO...

  • MFonseca

    Gostei da sua historia, mas nao e tudo que foi esc...

  • Trêza

    Este blog está em destaque na homepage do SAPO Cab...

  • Edson Santos

    Caro Professor queria antes de mais felicitar pelo...

  • Trêza

    * petrolífera...